CATEDRAL DIOCESANA DE SANTO ANTÔNIO

HISTÓRIAEm 21 de janeiro de 1787, foi benta a pedra fundamental pelo pároco Pe. Bernardo da Silva Lobo.

Foi construída pelos escravos e levou 35 anos para ser terminada.

O arquiteto Francisco de Lima de São João Del Rei supervisionou todos os trabalhos.

A igreja foi benta, com muitas festas, pelo Pe. José de Souza Lima, em 31 de março de 1822.

As torres foram construídas em 1871.

Medidas: Comprimento: 75m; largura: 25m; altura: 36m; nave central: 17m; espessura das paredes: 1m80. As paredes são de taipa.

Em 1900, foi reformada interiormente pelos jesuítas, para as festas de fim do século.

Em 19 de setembro de 1909, data da sagração episcopal de Monsenhor João de Almeida Ferrão, 1º bispo da Diocese da Campanha, a Matriz tornou-se Catedral.

Em 1925, Dom Ferrão reformou-a externamente modificando o “estilo” e deu um novo aspecto às fachadas e às torres.

Em 1937 e 38, Dom Inocêncio (2º bispo), manda cercar a catedral com uma grade de ferro.

Em 1948, Mons. João Rabello de Mesquita realizou a reforma interna, alterando a nave central, retirando alguns altares, revestindo o piso de mármore e construindo a cripta para sepultura dos bispos campanhenses.

Em 1964, Pe. José Hugo Goulart, sendo bispo Dom Othon Motta, elevou o ponto do telhado; preparou o local para o futuro salão paroquial.

De 22 de agosto de 1966 a 10 de outubro de 1967. Pe. Fuhad Lage realiza a reforma externa da catedral, reveste as torres com chapas de alumínio, constrói passeios e jardins ao redor da igreja.

Em 28 de abril de 1970, inauguração do salão paroquial e salas anexas para os diversos serviços comunitários.

Em 1974: inauguração do novo altar para o culto, pintura geral interna da igreja, restauração completa do forro, bancada nova de imbuia e novos genuflexórios para a capela.

Em 1979, novo telhado, reforma das escadarias das torres, do assoalho e do teto do coro da Catedral.

Em 2013 iniciou-se a troca do telhado e reforma dos forros, mais em 2014 foi necessário executar uma reforma(restauração) geral na Igreja recebendo nova pintura exterior e interior, novo forro, novo coro, altares totalmente recuperado, novas portas, cortinas, iluminação, nova aparelhagem de som e fiação, paisagística nova revestida em pedra são thomé, a Igreja foi reaberta para realização do culto sagrado no dia 25 de março de 2015 .

Em 2015 a Catedral permanece em reforma nas áreas externas.

Em 2016 e 2017 a Catedral conclui as obras de restauro interna e externa.

Foto: Bruno Henrique

Foto: Bruno Henrique

Foto: Bruno Henrique